Procurar no portal

UFC e você contra o mosquito

MEAC completa 55 anos e celebra conquistas para a saúde materno-infantil

Imagem: Com uma programação estival, a MEAC comemora 55 anos de serviços prestados à saúde materno-infantil do Ceará e do Brasil (Foto: Viktor Braga)A Maternidade-Escola Assis Chateaubriand, unidade do Complexo Hospitalar da UFC filiada à Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH), comemora 55 anos de importantes contribuições para a saúde materno-infantil do Ceará e do Brasil, com uma manhã de celebrações nesta quinta-feira (13), no hall principal da unidade de saúde.

A partir das 8h, os grupos Danças Antigas e Doce de Flautas, da Universidade Estadual do Ceará (UECE), farão a abertura do evento. Em seguida (9h), haverá a celebração religiosa em ação de graças pelo aniversário da maternidade. Às 10h, ocorrerá o lançamento do Selo de 55 Anos da MEAC, com sorteio de brindes e bolo para cantar parabéns.

REFERÊNCIA – Indo além de sua função básica de promover o ensino, a pesquisa e a extensão, subsidiando as disciplinas nos cursos da área de saúde da UFC, a MEAC vem se consolidando, ano após ano, como hospital de referência no Estado do Ceará, no atendimento humanizado à saúde da mulher e do recém-nascido.

Atualmente com 171 leitos ativos, coloca à disposição das pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS) uma ampla infraestrutura nas áreas de obstetrícia, ginecologia, mastologia e neonatologia, com 29 consultórios. Segue, abaixo, a produção da Maternidade-Escola nos últimos seis anos:

Imagem: Gráfico sobre a produção assistencial da MEAC (Imagem: Divulgação)

 

A instituição é responsável também pela formação de alunos de graduação e pós-graduação de inúmeros cursos da saúde da UFC e de outras instituições de ensino superior, especialmente das Residências Médica, de Enfermagem e Multiprofissional. Em 2017, estagiaram na MEAC 1.347 alunos de graduação, 87 residentes dos programas de residência da UFC e 28 de programas externos.

HISTÓRICO DA MEAC – Oficialmente, a campanha em prol da construção da Maternidade Popular (Escola) de Fortaleza foi lançada na capital cearense, na noite de 28 de maio de 1955, pelo senador João de Medeiros Calmon, motivado pela convicção da deficiência da assistência médica à mãe pobre na capital cearense.

A Sociedade Pró-Construção da Maternidade Popular, constituída logo nos primeiros dias depois de lançado o movimento, pôde então marcar a data do lançamento da pedra fundamental. Dessa forma, a edificação foi lançada em 3 de março de 1956, em solenidade pública. Começou, então, a segunda etapa da campanha, ou seja, a da construção efetiva do belo e funcional projeto arquitetônico de acordo com a mais moderna técnica hospitalar daquela época.

Ao falar durante o ato solene, o senhor João Calmon anunciou que o Diretor dos Diários Associados, Assis Chateaubriand, resolvera doar, como contribuição pessoal, um posto de puericultura destinado aos filhos das mães pobres que viessem a nascer na maternidade.

Imagem: O Prof. José Galba de Araújo foi o primeiro administrador da MEAC (Foto: Acervo do Museu do Parto/MEAC)Sete anos depois, em 14 de dezembro de 1963, ela seria inaugurada e entregue à UFC. Como homenagem aos responsáveis pela campanha, foi denominada Maternidade-Escola Assis Chateaubriand. Apesar de oficialmente inaugurada, somente em janeiro de 1965 ocorreriam nas instalações os primeiros partos. Seu primeiro administrador foi o Prof. José Galba de Araújo, defensor do parto natural e criador do Museu do Parto, sediado na MEAC.

A maternidade iniciou suas atividades com 126 leitos e uma área de construção total de 6.733,65 metros quadrados. Hoje sua capacidade instalada total é de 171 leitos e uma área total construída de 10.762,63 metros quadrados.

Atualmente a MEAC faz parte, junto com o Hospital Universitário Walter Cantídio (HUWC), do Complexo Hospitalar da UFC, que tem como representante maior o superintendente dos Hospitais Universitários e compõe a rede de hospitais vinculados à EBSERH. Quanto à assistência, está inserida na rede do gestor de saúde estadual e municipal vinculada ao Ministério da Saúde, desenvolvendo atividades de média complexidade na atenção ambulatorial e hospitalar.

SOBRE A EBSERH – Desde novembro de 2013, a Maternidade-Escola Assis Chateaubriand é filiada à Rede EBSERH. Vinculada ao Ministério da Educação, a empresa administra atualmente 40 hospitais universitários federais. O objetivo é, em parceria com as universidades, aperfeiçoar os serviços de atendimento à população, por meio do SUS, e promover o ensino e a pesquisa nas unidades filiadas.

Imagem: A MEAC hoje conta com 171 leitos e uma área total construída de 10.762,63 metros quadrados (Foto: Viktor Braga)A empresa, criada em dezembro de 2011, também é responsável pela gestão do Programa Nacional de Reestruturação dos Hospitais Universitários Federais (REHUF), que contempla ações em todas as unidades existentes no País, inclusive nas não filiadas à EBSERH.

Fonte: Unidade de Comunicação Social da MEAC – fone: 85 3366 8577 / e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Endereço

Av. da Universidade, 2853 - Benfica, Fortaleza - CE, CEP 60020-181 - Ver mapaFone: +55 (85) 3366 7300