Procurar no portal

UFC e você contra o mosquito

Programa de Aprendizagem Cooperativa inicia atividades em mais de 60 células no Interior

Imagem: Formação dos novos bolsistas do Pacce em Russas. (Foto: divulgação)O Programa de Aprendizagem Cooperativa em Células Estudantis (PACCE) da Universidade Federal do Ceará iniciou as atividades nos campi de Crateús, Quixadá, Russas e Sobral. Em 2019.1, cerca de 60 células estão sendo ofertadas aos estudantes, para aprofundar estudos sobre disciplinas, abordar assuntos extracurriculares e, principalmente, dividir conhecimentos e desenvolver o aprendizado coletivo.

Em Crateús, há 18 células cooperativas, nas quais os alunos debatem temas como matemática aplicada, mecânica dos solos e eletromagnetismo, conteúdos relacionados aos cursos de graduação. Além disso, foram incluídos temas que vão além do que é visto em sala de aula, como bem-estar, saúde mental e formação de startups.

O estudante Vanutti Galvão, bolsista novato do PACCE, é articulador da célula de química geral, escolhida por ele após constatar o alto índice de reprovações nessa disciplina no Campus de Crateús. Vanutti já havia participado de uma célula do programa em seu primeiro semestre como aluno e classifica os estudos cooperativos como uma ação social na qual todos se beneficiam.

"E dá para ver no olhar quanto aquilo foi relevante para ele [o aluno participante], quanto a célula ajudou na resolução das dúvidas; pois, como é um diálogo entre estudantes, eles se sentem muito mais à vontade para fazer suas perguntas", conta Vanutti.

Imagem: Célula de Audiovisual de Quixadá (Foto: divulgação)No Campus de Quixadá, estão sendo ofertadas 10 células, nos temas: League of Legends; programação; fotografia; desenvolvimento web; audiovisual; japonês; música; gerência de projetos; desenho e criatividade; culinária.

Em Sobral, há 30 bolsistas envolvidos em 20 células. Alguns articuladores montam grupos cooperativos específicos para as disciplinas de um curso ou grupos multidisciplinares que abrangem várias graduações. Entre outras, são ofertadas células de análise do comportamento, de psicologia e cinema e de estudos da meditação.

Henrique Soares, articulador da célula de estudos de meditação, acredita que práticas de ioga e meditação são muito importantes no desenvolvimento pessoal dos estudantes, podendo ajudar no desempenho na graduação. "Sinto que existe certo preconceito de algumas pessoas sobre o tema, mas muitas também desejam conhecer, aprender e praticar", conta Henrique.

No Campus de Russas, as 15 células ofertadas neste semestre seguem uma linha mais acadêmica. Há grupos cooperativos para o estudo de mecânica geral e mecânica dos fluidos, física, projeto e análise de algoritmos, inteligência psicológica, francês etc. A equipe do PACCE no campus conta com 15 articuladores de células e cinco bolsistas veteranos, que desempenham atividades estruturais.

Imagem: Célula cooperativa no Campus de Crateús (Foto: divulgação)O PACCE – Vinculado à Escola Integrada de Desenvolvimento e Inovação Acadêmica (EIDEIA) da UFC, o PACCE tem sua ação fundamentada na formação de células de aprendizagem cooperativa, idealizadas pelos bolsistas do programa. Cada célula é articulada por um bolsista, podendo debater os mais diversos temas.

Além da articulação das células, o programa oferece eventos semanais para a descontração dos estudantes. Todas as quartas-feiras, ao meio-dia, o CinePacce exibe um filme indicado pelos alunos. Já nas noites de quinta-feira, geralmente eles se reúnem para se divertir com jogos de tabuleiro e videogames.

Fonte: Setor de Comunicação da EIDEIA – fone: (85) 3366 9218

Endereço

Av. da Universidade, 2853 - Benfica, Fortaleza - CE, CEP 60020-181 - Ver mapaFone: +55 (85) 3366 7300