Procurar no portal

UFC e você contra o mosquito

UFC é a 1ª instituição brasileira na proporção de artigos entre os 10% mais citados no mundo

Imagem: O Leiden Ranking inclui instituições de ensino superior que tiveram ao menos mil artigos indexados no Web of Science (Foto: Jr. Panela/UFC)A Universidade Federal do Ceará ampliou a influência de suas pesquisas e agora é a primeira universidade brasileira e a terceira da América Latina com a maior proporção de artigos entre os 10% mais citados no mundo em sua respectiva área do conhecimento. O dado, referente ao período 2014-2017, aparece na edição 2019 do Leiden Ranking, que classifica instituições pelo impacto científico. No período 2013-2016, a UFC ocupava o quinto lugar nacional nesse quesito.

No mundo, a UFC aparece na 711ª colocação entre 963 instituições, com 7,1% de artigos publicados entre os "Top 10" (115 em um total de 1.629 indexados no Web of Science).

Pelo mesmo critério, as instituições brasileiras que vêm em seguida são: Universidade Federal da Bahia (UFBA) e Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR), com proporção de 6,7%; Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP), com 6,6%; Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), com 6,5%; Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com 6,4%; e Universidade Federal da Paraíba (UFPB), que tem 6,3% de seus artigos entre os “Top 10” mais citados.

"Essa posição de destaque indica que nossas pesquisas servem como evidência ou base para explicar ou agregar valor a outras investigações, o que é um indicador de qualidade, seja pelo ineditismo (de nossos estudos), seja pelo caráter inovador da pesquisa, pela consistência dos resultados, pela qualidade metodológica etc. Uma citação traduz, portanto, reconhecimento de qualidade", comemorou o reitor da UFC, Prof. Henry Campos.

No mundo, o Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT) está em primeiro lugar, com 24,6% de seus artigos considerados "Top 10" (2.551 de 10.358), seguido da Universidade de Princeton, com 23,1% (1.204 artigos de 5.215), e de Stanford, com 22,6% (3.510 artigos de 15.543).

Em termos quantitativos, a Universidade de São Paulo (USP) é a instituição de ensino superior brasileira com a maior produção científica, com 16.846 artigos indexados (oitavo lugar mundial nesse quesito, frente à posição 691ª da UFC). No entanto, está apenas em 775º lugar em proporção de artigos entre os 10% mais citados no mundo – nono lugar no Brasil, com proporção de 6,2% de artigos publicados entre os "Top 10".

Para o pró-reitor de Pesquisa e Pós-Graduação da UFC, Prof. Antonio Gomes de Souza Filho, "esse resultado mostra de forma inequívoca que a comunidade universitária da UFC envolvida na atividade de pesquisa está cada vez mais contribuindo com resultados relevantes e inserida na comunidade internacional".

Ainda segundo o pró-reitor, as parcerias internacionais e a excelência de algumas áreas na Instituição são importantes para esse bom desempenho no Leiden Ranking. "Nossa expectativa é que, se efetivando o PRINT [Programa Institucional de Internacionalização], tenhamos melhores resultados no próximo ciclo porque avançaremos nas cinco áreas do conhecimento consideradas no ranking."

Imagem: A lista é feita pelo Centro de Ciências e Estudos Tecnológicos (CWTS) da Universidade de Leiden, na HolandaSOBRE O RANKING – O Leiden Ranking inclui instituições de ensino superior que tiveram ao menos mil artigos indexados no Web of Science, plataforma que reúne revistas acadêmicas e serve como referencial de citações científicas. O objetivo do ranking é fornecer medições precisas do impacto científico das universidades e do envolvimento das universidades em colaboração científica. A lista é feita pelo Centro de Ciências e Estudos Tecnológicos da Universidade de Leiden, na Holanda.

Fonte: Coordenadoria de Comunicação Social e Marketing Institucional da UFC – fone: (85) 3366 7331

Endereço

Av. da Universidade, 2853 - Benfica, Fortaleza - CE, CEP 60020-181 - Ver mapaFone: +55 (85) 3366 7300