Procurar no portal

UFC e você contra o mosquito

Professor da Física integra pesquisa sobre medicamento para tratamento da epilepsia

Imagem: Professor Geancarlo Zanatta, do Departamento de Física da UFCO artigo intitulado "Valproic acid interactions with the NavMs voltage-gated sodium", de coautoria do Prof. Geancarlo Zanatta, do Departamento de Física da Universidade Federal do Ceará, foi publicado na última edição da revista The Proceedings of the National Academy of Sciences of the United States of America – PNAS, um dos periódicos multidisciplinares mais citados do mundo. A revista possui fator de impacto 9,58.

O trabalho, resultado de estudos desenvolvidos durante cinco anos pelo Prof. Geancarlo Zanatta, em colaboração com grupos de pesquisa do Reino Unido e dos Estados Unidos, trata do uso do ácido valproico no tratamento da epilepsia. O projeto teve início enquanto Zanatta trabalhava como pesquisador de pós-doutorado no Birkbeck College, da Universidade de Londres, no Reino Unido, e prosseguiu no Departamento de Física da UFC.

O ácido valproico é um importante medicamento no tratamento de epilepsia e outros transtornos neurológicos. O professor explica que, "apesar do sucesso da substância na área clínica, o mecanismo e o local de ação farmacológica desse medicamento não são plenamente conhecidos. Sob certas condições, a utilização da substância pode estar associada a danos ao fígado e, quando administrada durante a gravidez, a malformação fetal, problemas de desenvolvimento de bebês e autismo".

As implicações acontecem porque os medicamentos podem se ligar, de forma não específica, em mais de um local na mesma célula ou em células de tecidos diversos, promovendo uma série de efeitos indesejáveis e tóxicos para o organismo.

Para auxiliar na compreensão do mecanismo farmacológico do ácido valproico, o estudo apresenta uma caracterização do seu modo de funcionamento e o indicativo de seu local de ligação no canal de sódio dependente de voltagem. Espera-se que a descoberta acelere o processo de pesquisa e desenvolvimento de novos agentes terapêuticos para o tratamento da epilepsia e outros transtornos, tornando o método mais eficaz e seguro.

"Estes achados auxiliam na elucidação da ação do ácido valproico e apontam para um mecanismo específico de regulação dos canais de sódio, representando uma nova oportunidade para o planejamento racional de fármacos antiepilépticos na indústria farmacêutica", comemora o Prof. Geancarlo Zanatta.

Além de Zanatta, são coautores do estudo os pesquisadores Altin Sula, Andrew J. Miles e B. A. Wallace, do Instituto de Biologia Molecular e Estrutural da Birkbeck College, da Universidade de Londres, no Reino Unido; Leo C. T. e Paul G. DeCaen, do Departamento de Farmacologia da Feinberg School of Medicine, da Northwestern University, em Chicago; Rubben Torella, da Unidade de Inflamação e Imunologia, da Pfizer Medicine Design, Cambridge; e David C. Pryde, da Pfizer Worldwide Medicinal Chemistry, Great Abington, Cambridgeshire.

Fonte: Prof. Geancarlo Zanatta, do Departamento de Física da Universidade Federal do Ceará – e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Endereço

Av. da Universidade, 2853 - Benfica, Fortaleza - CE, CEP 60020-181 - Ver mapaFone: +55 (85) 3366 7300