Procurar no portal

UFC e você contra o mosquito

Professor da UFC integra publicação na "Earth-Science Reviews", periódico com Qualis A1

Imagem: capa da revista Earth-Science ReviewsO Prof. Daniel Nascimento, do Departamento de Geologia da Universidade Federal do Ceará, integrou um estudo internacional acerca dos protocolos de análise de minerais pesados que culminou no artigo "Comparability of heavy mineral data – the first interlaboratory round robin test" (Comparabilidade de dados de minerais pesados – o primeiro teste interlaboratorial do tipo "round robin"), texto que faz parte da edição de junho de artigos aceitos para publicação da Earth-Science Reviews.

O periódico é um dos mais conceituados no campo de geociências no mundo, avaliado pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) como Qualis A1, o conceito mais elevado quanto à qualidade científica da produção.

No artigo são revistos protocolos de análise de minerais pesados, com o objetivo de melhorar e unificar procedimentos executados há décadas por pesquisadores da área. Minerais pesados são compostos naturais mais densos do que o quartzo, ocorrem geralmente em pequenas quantidades nas areias de praias e rios e são muito utilizados em abordagens científicas em geologia. Quando ocorrem em grandes quantidades, podem ser economicamente viáveis na mineração de metais, de terras-raras e até de gemas, como o diamante. No Brasil, minerais pesados já foram explorados, por exemplo, como fonte de titânio e metais raros como tório, cério e lantânio.

A publicação foi liderada por pesquisadores das Universidades de Göttingen, na Alemanha, e de Milão, na Itália, e contou com quase 60 autores de diferentes países, convidados para participar do trabalho em função de sua experiência na área. No Brasil, apenas três pesquisadores foram convidados, sendo um deles o Prof. Daniel Nascimento.

PESQUISA – Iniciada em 2018, a pesquisa, que leva o mesmo nome do artigo, "Comparability of heavy mineral data – the first interlaboratory round robin test", teve seus resultados parciais apresentados à comunidade científica em um evento em 27 de junho do mesmo ano, na República da Irlanda, do qual o Prof. Daniel Nascimento também participou.

Os resultados sugerem, entre outros aspectos, que a melhoria dos estudos quantitativos de minerais pesados e a ampliação das redes de pesquisa dependerão fortemente da inserção de técnicas mais robustas de investigação nos próximos anos, como a do uso mais intensivo de espectroscopia Raman. Essa técnica consiste no espalhamento da luz por meio de um equipamento com fonte de laser capaz de revelar informações químicas e estruturais dos materiais. A UFC possui um equipamento desse tipo em sua Central Analítica.

Fonte: Prof. Daniel Nascimento, do Departamento de Geologia – e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Endereço

Av. da Universidade, 2853 - Benfica, Fortaleza - CE, CEP 60020-181 - Ver mapaFone: +55 (85) 3366 7300