Procurar no portal

UFC e você contra o mosquito

OBSERVAÊ: lançado nesta quinta-feira (26) observatório que mapeará necessidades do corpo discente da UFC

imagem de um estudante, da pró-reitora de assuntos estudantis, interprete de libras e retor da UFC"É por vocês que a gente trabalha". Esta foi a frase-síntese do Observatório da Vida Estudantil (OBSERVAÊ) da Universidade Federal do Ceará, usada pela pró-reitora de Assuntos Estudantis da Instituição, Profª Geovana Cartaxo, durante o lançamento do novo organismo pela PRAE. O evento ocorreu com a presença de poucas pessoas na manhã desta quinta-feira (26), no salão nobre da Reitoria.

Além da Profª Geovana, estiveram presentes à solenidade o reitor da UFC, Prof. Cândido Albuquerque; a pró-reitora de Extensão, Profª Elizabeth Daher; a pró-reitora de Assuntos Estudantis da Universidade Federal Rural do Semiárido (PROAE-UFERSA), Janaína Holanda; o pró-reitor-adjunto de assuntos estudantis da UFERSA, Éder Jofre Marinho; a diretora da Divisão de Programas Sociais da PROAE-UFERSA, Patricia de Araújo; os representantes estudantis Francisco Franklin Costa (aluno de Engenharia de Energias Renováveis) e Débora Muro (aluna de Fisioterapia), além de servidores do corpo técnico-administrativo da PRAE.

A pró-reitora Geovana Cartaxo abriu a cerimônia destacando ter sido 2020 um ano atípico e desafiador, no qual a UFC mostrou sua capacidade de trabalho e compromisso com os estudantes. Ela parabenizou a equipe da PRAE, que trabalhou incansavelmente para que a assistência ao discente fosse potencializada durante a pandemia do novo coronavírus. O Observatório da Vida Estudantil (OBSERVAÊ) será um braço institucional da PRAE, responsável pela realização de pesquisas, coleta e sistematização de dados e definição de objetivos e metas para balizar as políticas de assistência estudantil na Universidade. De acordo com ela, o Observatório já havia dado os primeiros passos antes mesmo de nascer oficialmente, quando foi modelada e aplicada a pesquisa de maior amplitude já feita com o corpo estudantil da UFC, respondida por cerca de 10 mil discentes e utilizada como base para a elaboração do Plano Pedagógico de Emergência (PPE).

Confira matéria sobre o OBSERVAÊ produzida pela rádio Universitária FM

TRAJETÓRIAS PARECIDAS – Em seguida, o estudante Francisco Franklin Costa, do Curso de Engenharia de Energias Renováveis e diretor de uma das residências da PRAE, fez um relato emocionado de sua experiência universitária, a qual não teria sido possível sem as oportunidades de assistência. "Ao terminar o ensino médio, em 2014, comecei um curso superior em outra instituição e vendi mousse em transporte coletivo para poder ter o dinheiro da passagem e vir para a aula, pois morava em outra cidade. Já aluno da UFC, dividia uma quitinete com outras quatro pessoas e vivia arrumando bicos para poder me manter aqui. Ter acesso ao auxílio-moradia temporário e depois à Residência Universitária melhorou minha saúde mental e meu desempenho acadêmico. Foi a assistência estudantil que me possibilitou não só estar, mas aproveitar a Universidade", relembrou.

Reitor Cândido Albuquerque e interprete de LIBRASO reitor Cândido Albuquerque, após a fala de Francisco, rememorou os tempos de estudante de graduação. "Eu me vi na história dele. Quantas vezes, ao me mudar de Corrente (PI) para Fortaleza, para poder estudar na Faculdade de Direito, eu não fui para o trabalho a pé porque não tinha o dinheiro da passagem? Infelizmente, na época não consegui vaga na residência, mas durante quatro anos comi de maneira espetacular no nosso Restaurante Universitário. Tanto a política de assistência quanto o próprio Observatório têm a marca nítida de acolher para incluir e transformar", apontou o dirigente, destacando a mobilização da equipe da PRAE para viabilizar, amparada pela administração superior, segurança alimentar, inclusão digital e testagem de SARS-CoV-2 para estudantes vulneráveis durante a pandemia.

Confira como foi o lançamento do OBSERVAÊ também em matéria da UFCTV:

INTERCÂMBIO DE EXPERIÊNCIAS – Nem todos os presentes ao lançamento eram da UFC. Dando prosseguimento ao intercâmbio iniciado por sua Pró-Reitoria de Graduação, a Universidade Federal Rural do Semiárido (UFERSA) enviou equipe para acompanhar o início das atividades do Observatório e trocar experiências sobre assistência estudantil. A pró-reitora de Assuntos Estudantis da UFERSA, Janaína Holanda, disse que a ideia é somar esforços. "A UFC é nossa coirmã. A ideia é conhecer para implantar ações que possam melhorar nosso suporte aos estudantes, para que eles possam seguir com as atividades neste momento tão difícil para todos", resumiu.

Pró-reitora da PRAE, Geovana CartaxoA solenidade foi encerrada com a apresentação artística da cantora Maria Beatriz Bandeira, aluna do Curso de Música da UFC em Fortaleza, e do violonista Gustavo Silveira, estudante de Música da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), que apresentaram repertório de canções em português e italiano. Em seguida, a PRAE promoveu, por meio de transmissão ao vivo no canal do Programa de Apoio e Acompanhamento Pedagógico (PAAP), no Youtube, o webinário "Assistência estudantil: avaliação e fortalecimento da política nas instituições de ensino superior". As conferencistas foram Maria do Socorro Camelo Maciel e Ledjane Lima Sobrinho, respectivamente assistente social da Pró-Reitoria de Políticas Afirmativas e Estudantis da Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (UNILAB) e pró-reitora de Assuntos Estudantis da Universidade Federal do Cariri (UFCA). O evento ficou gravado e pode ser visto abaixo:

Fonte: Gabinete do Reitor – e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Endereço

Av. da Universidade, 2853 - Benfica, Fortaleza - CE, CEP 60020-181 - Ver mapaFone: +55 (85) 3366 7300