Procurar no portal

UFC e você contra o mosquito

Projeto da UFC desenvolve metodologia para ensino de inglês e recebe financiamento do British Council

O projeto de pesquisa Aprendendo Inglês nas Escolas Públicas Brasileiras com Novas Tecnologias (Learning English at Brazilian Public Schools with new Technologies), do Departamento de Estudos da Língua Inglesa, suas Literaturas e Tradução (DELILT) da Universidade Federal do Ceará, foi selecionado para financiamento pelo British Council, instituição pública do Reino Unido que promove intercâmbio cultural e fomento à pesquisa, em parceria com a Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico (FUNCAP). Dos 11 projetos selecionados no Brasil, esse foi o único a ser realizado e concluído no Norte e Nordeste.

O trabalho tem a condução das professoras do DELILT Lídia Amélia de Barros Cardoso e Pâmela Freitas Pereira Toassi. Elas desenvolveram uma metodologia para o ensino da língua inglesa por meio do aplicativo móvel de ensino de idiomas, Duolingo. Com o estudo concorreram na chamada de propostas para financiamento de projetos colaborativos entre o Reino Unido e o Brasil, com o objetivo de aprimorar o ensino de inglês nos ensinos médio e superior. 

Imagem:  professores Pâmela Freitas Pereira Toassi, Lídia Amélia de Barros Cardoso e Bernhard Angele

O projeto envolveu 84 jovens do sexto ano do ensino fundamental da Escola Municipal de Tempo Integral Nossa Senhora de Fátima e da Escola João de Freitas Ramos, da rede pública de Fortaleza-CE, que tiveram a oportunidade de conhecer uma nova forma de aprender inglês. A pesquisa durou 10 meses e os estudantes que participaram do estudo tiveram seu aprendizado monitorado pelas pesquisadoras por quatro meses.

NOVA PROPOSTA – De acordo com as pesquisadoras, os resultados da intervenção no ensino-aprendizagem foram tão promissores que o estudo recebeu uma nova proposta de financiamento, em colaboração com a Universidade de Bournemouth, instituição pública da Inglaterra, para dar continuidade à pesquisa e ampliar o número de participantes em um maior período de tempo. Nesse segundo momento, o trabalho contará com a colaboração do pesquisador Bernhard Angele, professor associado de Psicologia na referida universidade inglesa.

A Profª Lídia Cardoso destaca os vários pontos positivos e ganhos para a UFC, tanto em âmbito local como internacional. "Demonstra o interesse da Universidade em desenvolver pesquisas na escola pública, desmistificando o mito do distanciamento do diálogo do que acontece no meio acadêmico com a sociedade", acentua.

Quanto à internacionalização, ela comenta: "Essa colaboração internacional coloca a UFC na arena de debates de estudos e propostas de metodologias alternativas para o ensino da língua inglesa". A pesquisadora destaca ainda que "o embrião dessa pesquisa iniciou com a orientação de trabalho de conclusão de curso, que desdobrou-se em um estudo mais aprofundado".

Saiba mais nos perfis do Centro de Humanidades da UFC no Facebook e no Instagram, e no site do British Council.

Com informações do Centro de Humanidades da UFC.

Fonte: Centro de Humanidades da UFC – e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Endereço

Av. da Universidade, 2853 - Benfica, Fortaleza - CE, CEP 60020-181 - Ver mapaFone: +55 (85) 3366 7300