Procurar no portal

UFC e você contra o mosquito

Vice-reitor da UFC visita Horto de Plantas Medicinais e recebe demandas por melhorias em infraestrutura

Uma comitiva da administração superior da Universidade Federal do Ceará esteve, na tarde desta quarta-feira (13), no Horto de Plantas Medicinais FJA Matos, localizado no Campus do Pici Prof. Prisco Bezerra. O grupo, liderado pelo vice-reitor da UFC, Prof. Glauco Lobo Filho, no exercício da Reitoria, visitou as instalações do horto e do Projeto Farmácias Vivas. Também participaram da visita o pró-reitor-adjunto de Pesquisa e Pós-Graduação da UFC, Prof. Rodrigo Porto, e o superintendente-adjunto de Infraestrutura e Gestão Ambiental da UFC, engenheiro Eduardo Palheta.

Comitiva da administração superior visita o Horto de Plantas Medicinais da UFC

Além de ser um espaço de ensino e pesquisa, o horto recebe visitas de alunos de escolas públicas e privadas, promovendo oficinas abertas à comunidade sobre remédios caseiros, cosméticos naturais e usos adequados de plantas medicinais. Segundo a coordenadora do Horto de Plantas Medicinais, Profª Mary Anne Bandeira, é uma satisfação contar com o apoio da Reitoria para a revitalização do espaço, o fomento a pesquisas, ao desenvolvimento de patentes e o atendimento a população.

“O legado que o Prof. Matos nos deixou requer um olhar especial da UFC, porque é um acervo científico que gerações e gerações não esgotarão. O Horto de Plantas Medicinais tem um valor incalculável, e a Universidade é detentora desse conhecimento e dessa propriedade intelectual”, afirmou.

As demandas por melhorias na infraestrutura incluem reparos na caixa d’água, pintura dos muros externos, ampliação do gazebo de oficinas, acessibilidade para o laboratório e a sala de aula. Também houve pedidos por investimentos para a compra de equipamentos, como o cromatógrafo gasoso (equipamento para análise de óleos essenciais), e insumos para uma nova oficina farmacêutica, que possibilitará ampliar os treinamentos de alunos de graduação e de pós-graduação, bem como de profissionais de saúde na área de manipulação de fitoterápicos.

O vice-reitor da UFC, Prof. Glauco Lobo Filho, ouviu atentamente as reivindicações e se comprometeu a colaborar para encaminhar as demandas. “Tenho consciência plena da importância imensurável do horto e das Farmácias Vivas para a nossa Universidade. A UFC reconhece isso, e, na vida, a gente tem que buscar melhorar as coisas, como é o caso aqui. É o compromisso que assumo para fazermos o melhor possível para atender às reivindicações de vocês”, comentou o vice-reitor.

A Profª Mary Anne Bandeira, coordenadora do Horto de Plantas Medicinais, apresenta a estufa de preparação de mudas ao vice-reitor da UFC, Prof. Glauco Lobo Filho

SAIBA MAIS – A área do Horto de Plantas Medicinais possui cerca de 7 mil metros quadrados e reúne o Laboratório de Produtos Naturais; a essencioteca, com um catálogo de óleos essenciais; uma sala de aula e a Liga Acadêmica de Fitoterapia (LAFITO). Ao ar livre, situam-se a estufa de preparação de mudas, o gazebo de oficinas e o banco de germoplasma, ou seja, a biblioteca ou almoxarifado vivos com uma série de plantas medicinais identificadas por placas com a classificação botânica, os nomes populares, as propriedades terapêuticas e como são utilizadas. A ideia do projeto Farmácias Vivas surgiu no final dos anos 1970 com o Prof. Francisco José de Abreu Matos (1924-2008) a partir de expedições de pesquisa na flora da caatinga, e inspirou a política nacional de medicamentos fitoterápicos do Sistema Único de Saúde (SUS).

Fonte: Coordenadoria de Comunicação e Marketing da UFC – e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Endereço

Av. da Universidade, 2853 - Benfica, Fortaleza - CE, CEP 60020-181 - Ver mapaFone: +55 (85) 3366 7300