Barra do Governo Federal

Procurar no portal

Novo curso de graduação da UFC é pioneiro no NE

O Reitor da UFC, Prof. Jesualdo Farias, participou nessa terça-feira (1°) da aula inaugural do bacharelado em Matemática Industrial, o mais novo curso de graduação da Universidade Federal do Ceará e o primeiro do Nordeste na área.

Os convidados foram os professores Antônio Clécio Fontelles Thomaz e Renato Craveiro, co-fundadores do Departamento de Estatística e Matemática Aplicada da UFC e hoje docentes da Universidade Estadual do Ceará (Uece).

Citando “cases”, eles deram exemplos práticos de como o profissional desse curso atua no mercado, seja otimizando os processos industriais, com redução dos custos, seja subsidiando os gestores na tomada de decisões seguras.

O Reitor deu as boas-vindas aos recém-ingressos e citou indicadores da Universidade cearense, que se consolida como uma das instituições de ensino superior mais respeitadas do País. A Federal do Ceará foi a mais procurada no Sistema de Seleção Unificada (SiSU), com 118.221 inscrições (entre primeira e segunda opções). “Isso nos orgulha muito e se nós estamos sendo procurados por essa quantidade de estudantes é porque temos algo a oferecer”, afirmou o Reitor.

A UFC conta hoje com cerca de 40 mil discentes, entre graduandos, pós-graduandos e alunos das Casas de Cultura Estrangeira. Jesualdo Farias lembrou que a política de assistência estudantil da UFC concederá este ano 3.600 bolsas, o equivalente a R$ 15 milhões, e descartou corte de recursos na assistência ao estudante. Adiantou que no Seminário de Gestão Acadêmica que será realizado este mês será lançado edital no valor de R$ 1,5 milhão para compra de livros.

Outra novidade é que a Biblioteca de Ciências e Tecnologia, que antes não funcionava à noite e aos sábados, agora realiza atendimento até as 21h e aos sábados (de 8h às 12h).

“Vocês escolheram uma profissão das mais dignas e uma das mais conceituadas no mundo atual”, iniciou o professor Antônio Clécio Fontelles Thomaz na aula inaugural. E deu um conselho de mestre: “a decisão que não é tomada no modelo matemático é passível de erro”.

Citou exemplos de como a Matemática pode ser usada para evitar desperdício na construção civil, seja calculando a quantidade de material de construção, seja acompanhando o fluxo de caixa da obra. “Hoje a ordem do dia é minimizar custos, racionalizar tempo, aumentar benefícios”, revelou o professor.

André Shiguemoto, Coordenador do curso de Matemática Industrial, ressaltou a importância da competitividade das empresas para sobreviverem no mercado globalizado e lembrou que os novos empreendimentos no Ceará, a exemplo do Complexo Portuário do Pecém, requerem profissionais qualificados e “antenados” com as novas tecnologias da informação.

O curso de Matemática Industrial foi criado em 30 de novembro de 2010, estando vinculado ao Departamento de Estatística e Matemática Aplicada do Centro de Ciências. A primeira turma conta com 30 alunos. Um deles é Demétrio Gomes de Araújo, de 17 anos, que diz adorar cálculo e que ainda está conhecendo o curso para no futuro decidir como pretende atuar.

O bacharelado tem duração de quatro anos e foi concebido pelo Departamento de Estatística e Matemática Aplicada. Os profissionais egressos do curso podem atuar em diversos segmentos das indústrias, universidades e centros de pesquisa.

Fonte: Prof. André Shiguemoto, Coordenador do curso de Matemática Industrial/UFC - fone: 85 3366 9840 / 85 3366 9156

Créditos

© 2017 Secretaria de Tecnologia da Informação/Divisão de Portais Universitários Ir para o topo