Procurar no portal

UFC e você contra o mosquito

Complexo Hospitalar realiza mutirão para pacientes do SUS nesta quarta-feira (30)

Imagem: Foto da fachada do Hospital UniversitárioO Complexo Hospitalar da UFC/Ebserh, composto pelo Hospital Universitário Walter Cantídio (HUWC) e a Maternidade-Escola Assis Chateaubriand (MEAC), irá realizar, nesta quarta-feira (30), cirurgias de Otorrinolaringologia e exames ultrassonográficos para cerca de 300 usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) que estão na fila de espera. A iniciativa integra o I Mutirão Nacional da Rede Ebserh, que contará com ações para mais de três mil pessoas nos 39 hospitais universitários federais filiados, presentes nas cinco regiões do Brasil.

A expectativa do evento nacional é diminuir em 30% a fila de espera dos hospitais e do SUS. Para alcançar o número, cada instituição definiu as especialidades que mais contemplam as necessidades de saúde de cada região. No total, cerca de 1.000 profissionais de saúde vão atender em todo o País.

MATERNIDADE-ESCOLA – A Maternidade-Escola responderá por 10% dos atendimentos do mutirão nacional ao realizar ultrassonografia (US) em 243 mulheres.  Sete equipes, com 30 profissionais, vão realizar exames de ultrassom mamários, ginecológico-pélvicos, transvaginais e obstétricos, que são auxiliares no diagnóstico de, por exemplo, nódulos mamários, endometriose profunda e malformações fetais. "Vamos atender a usuárias do SUS que já têm pedido de exame e aguardavam na rede pública de saúde por um agendamento, além de pacientes da nossa emergência e internadas nas enfermarias, UTIs e salas de parto que tenham essa solicitação", explica Maria José Carneiro, chefe da Unidade de Diagnóstico por Imagem e Métodos Gráficos da MEAC.

HOSPITAL UNIVERSITÁRIO – No Hospital Universitário, a camareira Andréa Florentino da Silva, de 37 anos, será uma das beneficiadas pelo mutirão no Ceará. Ela sofre com problemas respiratórios há 10 anos por conta de um desvio de septo nasal. "Meu marido, às vezes, precisa me acordar à noite para que eu possa respirar melhor", comenta. Andréa é um dos pacientes que serão submetidos à septoplastia, que é a correção cirúrgica do desvio de septo nasal. De acordo com o chefe do Serviço de Otorrinolaringologia do HUWC, André Nunes, estão agendados 12 procedimentos cirúrgicos, sendo oito cirurgias para remoção das amígdalas e das adenoides (adenoamigdalectomias) e quatro septoplastias. "Em apenas um dia faremos o equivalente a um mês desses dois tipos de cirurgias aqui no Hospital Universitário Walter Cantídio", avalia o especialista.

O médico explica ainda que esses tipos de procedimentos cirúrgicos são indicados para pacientes que sofrem com infecções respiratórias constantes ou apresentam obstrução nasal importante. "Todas as adenoamigdalectomias que vamos fazer, por exemplo, serão em pacientes de até 12 anos de idade: meninos e meninas com distúrbios do sono, dificuldade de respirar e histórico de internações hospitalares. As cirurgias realizadas no mutirão, portanto, vão proporcionar melhor qualidade de vida a essas pessoas", relata.

Fonte: Unidade de Comunicação Social do Complexo Hospitalar da UFC/Ebserh – fones: 85 3366 8577 e 3366 8183

Endereço

Av. da Universidade, 2853 - Benfica, Fortaleza - CE, CEP 60020-181 - Ver mapaFone: +55 (85) 3366 7300