Barra do Governo Federal

Procurar no portal

27º Cine Ceará termina nesta sexta-feira (11) com premiação no Cineteatro São Luiz

Imagem: O 27º Cine Ceará, iniciado no último dia 5, terá solenidade de encerramento nesta sexta-feira (11), no Cineteatro São Luiz. (Foto: Rogério Resende)A 27ª edição do Cine Ceará – Festival Ibero-Americano de Cinema, iniciada no dia 1º de agosto com a Mostra de Cinema Chileno e abertura oficial realizada no dia 5, termina nesta sexta-feira (11), com solenidade de encerramento a partir das 19h30min no Cineteatro São Luiz. No total, 27 prêmios serão entregues nas diversas categorias que o festival contempla. Após a solenidade será exibido o documentário O botão de pérola (El botón de nácar), coprodução do Chile/França/Espanha, com direção de Patricio Guzmán.

O longa-metragem que encerra o 27º Cine Ceará coleciona vários prêmios, como Urso de Prata de Melhor Roteiro e Prêmio do Júri Ecumênico – 65º Berlinale, 2015; Prêmio do Público e Prêmio Unipol de Melhor Filme – Biografilm Festival, 2015; Melhor Documentário – Jerusalem Film Festival, 2015; Prêmio do Prefeito – Yamagata International Documentary Film Festival, 2015; Melhor Fotografia Documental, Prêmio Ibero-Americano de Cine Fénix, 2015; Prêmio Fénix, 2015; Melhor Documentário Prêmios Platino, 2016; Melhor Documentário Prêmios Lumière, 2016.

Imagem: Após a solenidade será exibido o documentário O botão de pérola (El botón de nácar) (Imagem: Divulgação)SOLENIDADE – Na cerimônia de encerramento do 27º Cine Ceará, o público vai conhecer os vencedores entre os concorrentes da mostra ibero-americana, brasileira e cearense:

Como resultado da Mostra Competitiva Ibero-Americana de Longa-Metragem, serão agraciados com o Troféu Mucuripe os vencedores definidos pelo júri oficial nas seguintes categorias: Melhor Longa-Metragem, Melhor Direção, Melhor Fotografia, Melhor Edição, Melhor Roteiro, Melhor Som, Melhor Trilha Sonora Original, Melhor Direção de Arte, Melhor Ator, Melhor Atriz e Prêmio da Crítica. O melhor longa ganha também prêmio no valor de 10 mil dólares, em moeda brasileira.

No páreo estão: Uma mulher fantástica / Una mujer fantástica (Sebastián Lelio. Ficção. 100 min. Chile. 2017); Malasartes e o duelo com a Morte (Paulo Morelli. Ficção. 110 min. Brasil. 2017); Ninguém está olhando / Nadie nos mira (Julia Solomonoff. Ficção. 102 min. Argentina. 2017); Santa e Andrés / Santa y Andrés (Carlos Lechuga. Ficção. 105 min. Cuba/França. 2016); Pedro sob a cama (Paulo Pons. Ficção. 100 min. Brasil. 2017); O homem que cuida / El hombre que cuida (Alejandro Andújar. Ficção. 85 min. República Dominicana/Porto Rico/Brasil. 2017); e Últimos dias em Havana / Últimos días en la Habana (Fernando Pérez. Ficção. 93 min. Cuba/Espanha. 2017).

Na Mostra Competitiva Brasileira de Curta-Metragem, o Troféu Mucuripe vai para Melhor Curta-Metragem, Melhor Direção, Melhor Roteiro, Melhor Produção Cearense e Prêmio da Crítica. A lista de concorrentes está disponível no site do Cine Ceará.

Na Mostra Olhar do Ceará, o Troféu Mucuripe será concedido ao Melhor Curta-Metragem. A relação dos concorrentes também pode ser conferida no site do evento.

O festival vai conceder ainda o Troféu Mucuripe ao Melhor Longa-Metragem e Melhor Curta-Metragem das Mostras Competitivas escolhidos pelo júri do Prêmio Olhar Universitário, formado por estudantes da Vila das Artes, UFC e Universidade de Fortaleza.

Na solenidade, também haverá entrega de prêmios especiais concedidos por empresas. São eles: Troféu Samburá, oferecido pela Fundação Demócrito Rocha/Jornal O Povo ao Melhor Curta-Metragem da Mostra Competitiva e Melhor Diretor da competitiva de curta; Prêmio Unifor de Audiovisual, no valor de R$ 5 mil, ao Melhor Curta-Metragem da Mostra Olhar do Ceará; Prêmio CiaRio, no valor de R$ 27 mil em locação de equipamentos de iluminação, acessórios e maquinaria da empresa Naymar, ao Melhor Curta-Metragem Brasileiro escolhido pelo júri oficial da competitiva de curta; Prêmio Mistika para a Melhor Produção Cearense da Competitiva de Curta-Metragem, escolhida pelo júri oficial da competitiva de curta, que receberá R$ 13 mil em serviços de conformação, correção de cor, finalização, aplicação de letreiros, masterização de DCP e arquivos digitais, e para o Melhor da Mostra Olhar do Ceará, escolhido pelo júri da Mostra Olhar do Ceará, que receberá o mesmo prêmio; Prêmio Aquisição Canal Brasil, no valor de R$ 15 mil, para o Melhor Filme da Mostra Competitiva Brasileira de Curta-Metragem, escolhido por um júri de críticos de cinema indicados pelo Canal Brasil.

E como novidade desta 27ª edição do festival, foi criada a Mostra Curta Cocó, cujo vencedor receberá prêmio no valor de R$ 3 mil. Esse concurso é promovido pelo 27º Cine Ceará em parceria com a Secretaria do Meio Ambiente do Estado do Ceará, Assembleia Legislativa do Estado do Ceará e Oi.

Apresentado pelo BNDES e Enel, o 27° Cine Ceará é uma promoção da Universidade Federal do Ceará, através da Casa Amarela Eusélio Oliveira, com apoio do Governo do Estado do Ceará, por meio da Secretaria da Cultura, da Prefeitura Municipal de Fortaleza, via Secultfor, e do Ministério da Cultura, através da Secretaria do Audiovisual. A realização é da Associação Cultural Cine Ceará, Bucanero Filmes e OUTLED e conta com patrocínio vip da SP Combustíveis e M. Dias Branco, patrocínio da Oi e BNB. Apoio cultural: Oi Futuro, Indaiá e Unifor e parceria com o Sebrae-CE.
 
SERVIÇO
27° Cine Ceará – Festival Ibero-Americano de Cinema: até 11 de agosto de 2017 em Fortaleza. Cineteatro São Luiz (Praça do Ferreira, s/n, Centro). Distribuição de ingressos para o encerramento: dia 10, a partir das 14h, na bilheteria do Cineteatro São Luiz. E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.. Telefone: (85) 3055 3465.

Fonte: Assessoria de Imprensa do Cine Ceará – fones: 85 3252 5401 e 99989 5876 / e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Créditos

© 2017 Secretaria de Tecnologia da Informação/Divisão de Portais Universitários Ir para o topo