Procurar no portal

UFC e você contra o mosquito

FACED abre encontros sobre gestão da educação; 100 universidades participam

Imagem: O auditório da FACED ficou lotado na abertura dos eventos (Foto: Viktor Braga/UFC)"Não há mudança na educação que não passe pelos processo de gestão." A afirmativa do Prof. Cláudio Marques, pró-reitor de Graduação da Universidade Federal do Ceará, sintetiza a essência do Congresso Internacional de Política Educacional e Emancipação, evento aberto nesta quarta-feira, na Faculdade de Educação (FACED) da UFC, que segue até sexta-feira (23).

Neste período, a UFC é sede de um grande encontro de estudantes, professores e pesquisadores de 98 universidades brasileiras e duas instituições estrangeiras, que debaterão a atual conjuntura da educação básica e do ensino superior, refletindo sobre políticas públicas e práticas nessa área.

Veja mais imagens da abertura dos eventos no Flickr da UFC

Mais de 100 trabalhos científicos serão apresentados, com debates e mesas-redondas sobre temas como Estado, sociedade e políticas educacionais; formação dos docentes e dirigentes escolares; políticas educacionais, avaliação, currículo, planejamento e financiamento da educação, dentre muitos outros.

Além do congresso, também ocorre o III Seminário Nacional da Rede Mapa, grupo nacional que há quatro anos promove um mapeamento da gestão da educação no País e constrói referenciais importantes para os estudos na área. Ambos os eventos são organizados pelo Grupo de Estudos de Políticas, Gestão Educacional e Formação de Professores (GEPGE), da UFC.

Imagem: Mesa de abertura dos eventos, nesta quarta-feira (Foto: Viktor Braga/UFC)ABERTURA – Com auditório lotado, a abertura do congresso foi marcada pela defesa da educação democrática e da valorização da educação no País. A coordenadora do GEPGE, Profª Clarice Zientarski, deu as boas-vindas à plateia e conclamou o público a refletir sobre os desafios da educação e do resgate à sensibilidade através da arte.

O coordenador da Rede Mapa, Elton Luiz Nardi, lembrou que os dois eventos na UFC funcionarão como espaço de "reflexão, debate e encontro, que possibilitará novas pontes de conhecimento acerca da temática".

A pedagoga e militante do Movimento dos Trabalhadores sem Terra (MST) Lourdes Vicente chamou a atenção para a necessidade de investimento e valorização da educação do campo e pediu solidariedade com as famílias do MST que estão em acampamentos do Ceará.

Imagem: A organização dos eventos é do Grupo de Estudos de Políticas, Gestão Educacional e Formação de Professores (GEPGE), da UFC (Foto: Viktor Braga/UFC)A poesia ficou por conta da Profª Débora Leite, do Departamento de Fundamentos da Educação da FACED, que citou a escritora Rachel de Queiroz para dar as boas-vindas às centenas de estudantes e professores que visitam a UFC durante os eventos.

A abertura contou, ainda, com palestra da Profª Thereza de Freitas Adrião, da UNICAMP, sobre os processos de privatização da educação básica.

Os eventos já tiveram as inscrições encerradas, mas interessados em participar ainda podem se inscrever como ouvintes, no dia e local das atividades. Detalhes da programação podem ser vistos on-line.

Fonte: Comissão Organizadora do Congresso Internacional de Política Educacional e Emancipação – e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Endereço

Av. da Universidade, 2853 - Benfica, Fortaleza - CE, CEP 60020-181 - Ver mapaFone: +55 (85) 3366 7300