Procurar no portal

UFC e você contra o mosquito

Projeto da UFC está entre os finalistas da 3ª edição do Prêmio de Design do Instituto Tomie Ohtake Leroy Merlin

Imagem: criança olha pra uma caixa de papelão que tem escrito na parte superior "conta pra mim"Um brinquedo de contação de histórias que utiliza materiais simples e acessíveis com base num inventivo sistema hidráulico para seu funcionamento e que busca rever o modo de brincar. Eis a síntese do lúdico e educativo projeto Conta pra Mim, desenvolvido durante a disciplina de Projeto de Produto 1 do Curso de Design da Universidade Federal do Ceará e que está entre os 15 selecionados na 3ª edição do Prêmio de Design do Instituto Tomie Ohtake Leroy Merlin, destinado a universitários. Para esta edição, o júri do concurso analisou as propostas de 213 inscritos, provenientes de 20 estados e do Distrito Federal.

A disciplina Projeto de Produto 1 é ministrada pelos professores Lia Alcântara e Emílio Augusto e o trabalho foi elaborado pelos estudantes Carolina Alcântara, Beatriz Gadelha e Bruno Pereira. "Os alunos deveriam explorar um problema a ser resolvido através do design de brinquedo. Um requisito de projeto era que eles utilizassem um mecanismo apresentado na disciplina e a equipe em questão foi sorteada com o sistema hidráulico", diz a Profª Lia Alcântara.

Desafio aceito, com materiais comuns como papelão, palito de picolé, canos de PVC, seringa de injeção, dentre outros, a equipe projetou o engenhoso brinquedo em que as crianças, ao mesmo tempo em que se divertem, exercitam a coordenação motora, a leitura, a imaginação, a criatividade e a expressão oral. Uma delas, ao acionar o mecanismo, escolhe palavras que são colocadas em compartimentos definidos como começo, meio e fim. Com as palavras escolhidas, outra criança na brincadeira cria e conta uma história.

Para chegar a esse resultado a aluna Carolina Alcântara explica que primeiro fizeram uma pesquisa, e como não encontraram nada na área de brinquedos que utilizasse um sistema hidráulico "de maneira lúdica ou diferente", a opção foi usar "uma técnica vista em outra disciplina (Materiais e Processos 1) sobre dioramas (um modo de apresentação que se utiliza da tridimensionalidade e que geralmente são feitos dentro de caixas)". Buscando mais referências, outra inspiração foi aquele recurso de garras que existem em máquinas de pegar bichos de pelúcia em parques, shoppings etc.

Estar numa equipe destacada entre os finalistas de um concurso nacional gera em Carolina "um sentimento incrível". Ela afirma que "essa conquista ainda durante a graduação representa o sonho de ver seu projeto ultrapassar a sala de aula. Mais que isso, é uma forma de reconhecimento de todo nosso esforço, é saber que estamos no caminho certo, quando nosso trabalho é reconhecido por Designers experientes como sendo Design e um Design relevante e que transforma!"

A Profª Lia Alcântara comenta que tanto ela como o Prof. Emílio Augusto sempre incentivam os alunos a inscreverem trabalhos nos prêmios quando enxergam um alto potencial. "As seleções para esses prêmios já são uma grande conquista. Elas dão visibilidade ao curso e aos alunos e podem gerar oportunidades de trabalho, de estabelecer contatos com outros alunos e profissionais da área. Estamos todos muito orgulhosos por essa conquista, que não é a primeira. Já tivemos alunos selecionados para outros prêmios, como o do Museu da Casa Brasileira", diz.

PREMIAÇÃO – Com o projeto Conta pra Mim entre os finalistas, a equipe vai receber uma bolsa-auxílio de R$ 5 mil para realizar o protótipo a ser exposto em mostra, marcada para o próximo ano no Instituto Tomie Ohtake, em São Paulo. Caso conquiste um dos três primeiros lugares, será premiada com cursos livres de design em instituições internacionais de ensino. Conforme o regulamento, "o curso pode ser utilizado por qualquer pessoa que faça parte da equipe, constando na ficha de inscrição".

Outras informações podem ser acessadas no Instagram do Curso de Design da UFC (@designmais_) e no do Instituto Tomie Ohtake (@institutotomieohtake).

Fontes: Profª Lia Alcântara – e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.; Prof. Emílio Augusto – e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.; e estudante Carolina Alcântara – e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Endereço

Av. da Universidade, 2853 - Benfica, Fortaleza - CE, CEP 60020-181 - Ver mapaFone: +55 (85) 3366 7300