Procurar no portal

UFC e você contra o mosquito

Título de Doutor Honoris Causa e Medalha do Mérito Cultural a escritores cearenses

Imagem: A escritora Ana Miranda (Foto: Divulgação)Em reunião realizada na manhã dessa segunda-feira (9), o Conselho Universitário (Consuni) da UFC aprovou a concessão do título de Doutor Honoris Causa à escritora cearense Ana Miranda, autora de obras como O Boca do Inferno, com a qual conquistou o Prêmio Jabuti, de livro revelação de 1990 incluído na lista dos 100 maiores romances em língua portuguesa do século XX, elaborada pelo jornal O Globo, a partir da indicação de escritores, críticos e intelectuais do Brasil e de Portugal.

Ana também recebeu o Prêmio Jabuti (2003) na categoria romance, com Dias & Dias, livro que foi indicado para o vestibular da UFC. A relatora da proposta foi a Profª Vládia Borges, diretora do Centro de Humanidades.

Na reunião, o Consuni também aprovou a concessão de Medalha do Mérito Cultural ao jornalista e escritor cearense Lira Neto, considerado um dos maiores biógrafos da literatura nacional. Entre suas obras mais elogiadas estão O inimigo do rei: uma biografia de José de Alencar ou A mirabolante aventura de um romancista que colecionava desafetos, azucrinava D. Pedro II e acabou inventando o Brasil, com a qual foi agraciado, em 2007, com o Prêmio Jabuti de Literatura, na categoria melhor biografia do ano.

Imagem: Lira Neto (Foto: Divulgação)Lira é autor da trilogia biográfica Getúlio, sobre o ex-presidente Getúlio Vargas; Maysa: só uma multidão de amores, biografia da cantora Maysa Matarazzo; e Padre Cícero: poder, fé e guerra no sertão, sobre o fundador de Juazeiro do Norte e considerado o maior santo popular do Nordeste. A relatora da proposta de concessão da medalha foi a pró-reitora de Extensão, Profª Márcia Machado.

Ainda na reunião desta segunda-feira (9), o Consuni acatou a proposta de concessão do título de Professor Emérito para três docentes da Faculdade de Direito: Wagner Barreira Filho, Hugo de Brito Machado e Paulo Francisco Banhos Ponte. O relator das três propostas foi o diretor da Faculdade, Prof. Cândido Albuquerque.

O advogado Wagner Barreira Filho foi professor de Direito Civil da Faculdade de Direito, onde também foi chefe de departamento e diretor. Barreira Filho foi procurador-geral do Município e procurador-geral do Estado no Governo Lúcio Alcântara.

O professor Hugo de Brito Machado é considerado um dos maiores nomes do Direito Tributário brasileiro, atuando na Faculdade de Direito nos cursos de especialização e mestrado. Foi juiz federal em primeira instância e desembargador do Tribunal Regional Federal da 5ª Região por 23 anos e já recebeu inúmeros prêmios como o Mais Admirado do Direito Tributário, por duas vezes (2007/2009), e Tributarista do Biênio 1996/1997.

O terceiro homenageado é o Prof. Paulo Francisco Banhos Ponte, atualmente desembargador do Tribunal de Justiça, onde atua na 1ª Câmara Cível. Além disso, é diretor da Escola Superior da Magistratura. O desembargador é originalmente integrante do Ministério Público, tendo entrado na magistratura pelas vagas do quinto constitucional. No MP, foi fundador da Escola Superior do Ministério Público e diretor da Revista do Ministério Público.

Fonte: Antônio Aritomar Barros, Secretário Executivo do Consuni – fone: 85 3366 7340

Endereço

Av. da Universidade, 2853 - Benfica, Fortaleza - CE, CEP 60020-181 - Ver mapaFone: +55 (85) 3366 7300